segunda-feira, 7 de setembro de 2009

PRESSÃO ALTA MITOS E VERDADES



1- Pressão alta e hipertensão são doenças diferentes.

ERRADO - Pressão alta e hipertensão são a mesma doença. Pressão alta é o nome popular e hipertensão é o nome que os médicos usam.

2- Não existe nada que previna a pressão alta.
ERRADO - Para prevenir a pressão alta é importante manter o peso no ideal, praticar exercícios regularmente sob orientação, não usar sal nem bebidas alcoólicas em excesso. No entanto, quem tem familiares com pressão alta tem mais chance de Ter a doença, e deve se preocupar mais com a prevenção.

3 - Não preciso medir a pressão porque me sinto bem. Não sinto dor de cabeça, mal estar, zumbido no ouvido e nem tontura.

ERRADO - A maioria das pessoas que tem pressão alta não se queixa de nada. Pôr isso a pressão alta é chamada de "assassina silenciosa". A única maneira de saber se a pressão está normal é medir a pressão.

4-Só medi a pressão uma vez. Como estava normal, não preciso medir outras vezes.

ERRADO -O ideal é medir a pressão pelo menos duas vezes ao ano.O diagnóstico de pressão alta é feito pelo médico ou agente de saúde, baseado em mais de uma medida em pelo menos duas ocasiões diferentes. Considera-se pressão alta valores iguais ou acima de 14 pôr 9.

5- Qualquer pessoa pode medir a pressão.

ERRADO – É fácil medir a pressão, porém, a pessoa precisa ser treinada para medir corretamente a pressão. Os profissionais da área da saúde são os indicados para medir a pressão. As medidas de pressão em campanhas servem para alertar as pessoas sobre o problema da pressão alta.

6- Qualquer aparelho serve para medir a pressão.

ERRADO - Existem diferentes tipos de aparelhos de medida da pressão. Os de coluna de mercúrio são mais confiáveis e descalibram mais dificilmente. O aparelho com mostrador tipo relógio (aneróide) pode ser utilizado desde que devidamente calibrado. Existem também os aparelhos automáticos, porém, nem todos são confiáveis. O aparelho de medir pressão deve ser testado periodicamente para avaliar se está em condições satisfatórias de uso.

7- A pressão só deve ser medida no consultório médico.

ERRADO - A pressão arterial varia de acordo com atividade física, sono, vigília, emoções e ambientes. Existem pessoas que sistematicamente apresentam pressão elevada no consultório e normal quando medida em casa: e a chamada "hipertensão do avental branco". A medida da pressão em casa pode ser útil para avaliar se a pressão é elevada ou não e também se os médicos estão controlando a pressão. Atualmente, já existem aparelhos automáticos confiáveis para medida da pressão em casa.

8- Mulher sempre tem pressão baixa.

ERRADO — A pressão pode estar normal ou até elevada. Quando o braço é mais fino do que a braçadeira usada para medir a pressão, os valores da pressão arterial podem ser falsamente baixos, mascarando ás vezes o diagnóstico de pressão alta. Quando o braço é mais fino, como nas mulheres, o ideal é usar braçadeira de menor tamanho, como a usada para criança.

9- Só pessoas nervosas, obesas ou velhas tem pressão alta.

ERRADO - A pressão alta é unia doença altamente democrática. Ataca homens ou mulheres, gordos ou magros e, inclusive, crianças. No entanto, os gordos e os negros tem mais chance de Ter pressão alta que os magros ou brancos. O fato de Ter pai ou mãe com pressão alta aumenta a chance de Ter doença e quem tem pressão alta deve orientar seus filhos a controlar periodicamente a pressão.

10- Pressão alta é controlada só com remédios.

ERRADO - Os remédios são importantes no controle da pressão alta. Porém, outras medidas, tais como, manter o peso no ideal, praticar exercícios regularmente sob orientação, não usar sal e nem bebidas alcoólicas em excesso podem auxiliar no tratamento. Muitas vezes somente perdendo peso a pressão diminui.

11- Quando a pressão baixar estarei curado. Basta uma caixa de remédio. O tratamento para pressão alta é para toda vida.

ERRADO - Pressão alta é unica doença crônica que dura a vida toda. Na maioria das vezes, não se conhece o que causa a pressão alta e nem como curar a doença, mas é possível controlar a pressão evitando que a pessoa tenha a vida encurtada. O tratamento para pressão alta também evita o infarto no coração, derrame cerebral e a paralisação dos rins.

12-O tratamento para pressão alta líquida com a pessoa, causa impotência sexual.

ERRADO — A pressão alta é controlada com remédios e com mudanças nos hábitos de vida, que não acabam com a pessoa. Pelo contrário, fazem com que a pessoa se sinta bem, com melhor qualidade de vida. A falta de tratamento da pressão alta é que pode causar a impotência sexual.

13- Só devo tomar remédio para pressão quando me sentir mal.

ERRADO - O tratamento não pode ser interrompido. Os remédios só fazem efeito enquanto estão sendo usados. Interromper o tratamento pôr conta própria pode elevar abruptamente a pressão com complicações sérias.

14- E difícil seguir a recomendação médica.

ERRADO - Algumas dicas podem ajudar a tomar os remédios de modo coreto, tais como: fixar o horário para tomada; associar com atividades habituais, como deitar, acordar, refeições; manter os remédios em local visível; providenciar nova aquisição antes do término; e trazer o remédio sempre consigo.

15- Não me dei bem com os remédios, a minha pressão às vezes está alta e outras vezes baixa demais.

ERRADO - Cada pessoa pode reagir de forma diferente ao tratamento. Na fase inicial, até que o organismo se adapte ao remédio ou até que ele tenha o efeito esperado, você pode sentir algum efeito indesejável.

16- Quem tem pressão alta não pode comer nada com sal, nem beber bebidas alcoólicas e nem praticar exercícios físicos.

ERRADO – O excesso de sal na alimentação pode ajudar a elevar a pressão arterial. A redução na quantidade de sal pode ser conseguida evitando o uso de enlatados, embutidos, carnes secas e temperos prontos. Os exercícios físicos podem ajudar a baixar a pressão e fortalecer o coração. Os exercícios recomendados são andar, nadar e pedalar bicicleta. Exercícios como levantamento de peso devem ser evitados.

17- As bebidas alcoólicas baixam a pressão.

ERRADO - A sensação de calor ocasionada pela bebida não significa que a pressão esteja mais baixa. As bebidas alcoólicas abaixam a pressão quando em quantidade acima do permitido.

18- Não posso comer com pouco sal porque me sinto fraco.

ERRADO - A alimentação do dia a dia contém quantidade de sal muito além do que o organismo necessita. Quando não adicionamos sal á comida, comemos cerca de 3 gramas de sal/dia. Muitas vezes, a sensação de fraqueza é causada pôr outros problemas.

19- A pressão não controla porque sou estressada.

ERRADO - O estresse pode dificultar o controle da pressão alta. Porém, como é difícil, o melhor é aprender a controlar o estresse. Identificar o que deixa tenso, planejar melhor as atividades para evitar acúmulo e abaixar o nível de exigência, são dicas que podem ajudar no manejo do estresse.

20- Quem tem pressão alta fica acabado, não tem vida normal.

ERRADO - Quem tem pressão alta pode e deve Ter uma vida normal, e não fica acabado desde que a pressão esteja controlada. Segundo as orientações você vencerá a doença. Não se esqueça que todos os profissionais da área da saúde podem ajudá-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Videos relacionados a segurança do trabalho.

Loading...