sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Exposição do Corpo Humano á Vibração.



As vibrações são agentes físicos nocivos que afectam os trabalhadores e que podem ser provenientes das máquinas ou ferramentas portáteis a motor ou resultantes dos postos de trabalho. As vibrações encontram-se presentes em quase todas as actividades, nomeadamente em construção e obras públicas, indústrias extractivas, exploração florestal, fundições e transportes.


A análise das vibrações é fundamental para determinar as causas e permitir reduzir e/ou eliminar determinados tipos de vibrações, principalmente aquelas cujo ritmo corresponde à frequência de ressonância do corpo.


Os riscos devidos a vibrações mecânicas têm efeitos sobre a saúde e segurança dos trabalhadores e deles podem resultar perturbações musculoesqueléticas, neurológicas e vasculares, além de outras patologias.


A alteração dos métodos de trabalho, a escolha de máquinas, ferramentas e outros equipamentos concebidos com o objectivo de reduzir a vibração ao nível mais baixo possível, a manutenção e conservação desses equipamentos e a vigilância de saúde adequada têm uma importância fundamental na prevenção dos riscos para a saúde dos trabalhadores.


A Directiva n.º2002/44/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 25 de Junho, adoptou prescrições mínimas de segurança e saúde respeitantes à exposição dos trabalhadores aos riscos devidos a vibrações mecânicas.
CAUSAS E EFEITOS DAS VIBRAÇÕES:
As vibrações normalmente existentes no meio industrial podem ter origem diversa:Vibrações provenientes do modo de funcionamento dos equipamentos (máquinas percutantes, compressores alternativos, irregularidades do terreno);Vibrações provenientes do próprio processo de produção (martelo picador, britadeiras);
Vibrações devido à má manutenção de máquinas e ao funcionamento deficiente.
Estas vibrações podem ser transmitidas:
A uma parte do corpo, geralmente membros superiores, no trabalho com ferramentas vibrantes ou transmitidas na fabricação;A todo o corpo humano, como no trabalho na vizinhança de grandes máquinas e vibrações provenientes das máquinas móveis.
O efeito das vibrações depende da frequência destas.Assim:
Vibrações elevadas (superiores a 600 Hz) provocam efeitos neuromusculares;
Vibrações superiores a 150 Hz afectam, principalmente, os dedos;
Vibrações entre 70 e 150 Hz chegam até às mãos;
Vibrações entre 40 e 125 Hz provocam efeitos vasculares;
Vibrações de baixa frequência podem provocar lesões nos ossos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Videos relacionados a segurança do trabalho.

Loading...